Excursões Científicas Pós Congresso

 

As excursões científicas  acontecerão no período de 26 a 28 de Agosto de 2017. É possível cada congressista fazer apenas uma excursão, já que os horários coincidem.

Algumas excursões têm vagas limitadas, que serão distribuídas mediante confirmação de inscrição e pagamento. A participação nas excursões  é condicionada à inscrição no Congresso. Caso ainda não tenha se inscrito, clique aqui.

Após confirmação do pagamento de inscrição do Congresso, o menu Inscrição em Atividades estará disponível em sua área restrita para que possa escolher a excursão que deseja participar.

Valores: os valores das excursões variam pelo local e carga horária.

 


 

Confira as excursões científicas que foram programadas para os inscritos no congresso.
LEMBRETE IMPORTANTE!!!

É recomendado fazer as trilhas com calçado apropriado (bota ou tênis confortável e antiderrapante) e calça comprida. Levar lanche (biscoito, barra de chocolate etc.), cantil com água (ou garrafa d´água), protetor solar, repelente, capa de chuva e boné.


EXCURSÃO 1: Parque Nacional da Tijuca

Resultado de imagem para parque estadual da pedra branca Pico da Tijuca

Localizado na zona oeste da cidade do Rio de Janeiro, o Parque Nacional da Tijuca é considerado um dos maiores parques naturais urbanos do mundo. Criado em 1974, possui cerca de 12.500 hectares de área coberta por vegetação típica da Mata Atlântica. Abriga o ponto mais alto da cidade, o Pico da Tijuca, com 1.022 metros de altitude. A trilha para o Pico da Tijuca tem uma duração média de 1 h e 30 min. Para chegar ao cume do Pico é necessário subir 117 degraus esculpidos na rocha, com 120 metros de corrente de ferro como corrimão.

Trilha contemplativa de nível leve de dificuldade.
Valor: R$ 95,00 (por pessoa)
Data: Sábado, dia 26 de agosto
Saída: 8:00 h
Retorno: 15:00 h

 

EXCURSÃO 2: Reserva Biológica do Tinguá

Resultado de imagem para Reserva Biológica do Tinguá Resultado de imagem para Reserva Biológica do Tinguá

A REBIO do Tinguá foi criada em 1989 e se estende por quase 26 mil hectares de área, abrange seis municípios, sendo a maior parte localizada no município de Nova Iguaçu; abrange também parte de Duque de Caxias, Petrópolis e Miguel Pereira. Em 1997, a reserva foi declarada Patrimônio da Humanidade pela Unesco e está incluída na reserva da biosfera da Mata Atlântica. O Pico do Tinguá é ponto mais alto da reserva com 1.685 metros de altitude. A vegetação da reserva é típica de Mata Atlântica, dominada pela Floresta Ombrófila Montana.

Trilha contemplativa de nível leve de dificuldade.
Valor: R$ 105,00 (por pessoa)
Data: Sábado, dia 26 de agosto
Saída: 7:00 h
Retorno: 17:00 h

 

EXCURSÃO 3: Morro Dois Irmãos

Resultado de imagem

O Morro Dois Irmãos é uma formação rochosa no bairro do Vidigal, no Rio de Janeiro, com 533 metros de altitude, sendo mais alto que o Pão de Açúcar (395 m) e mais baixo que o Corcovado (704 m). Da parte mais alta é possível ter uma visão panorâmica das praias do Leblon, Ipanema e Copacabana; da Lagoa Rodrigo de Freitas; do bairro da Gávea e de São Conrado; do Cristo Redentor e da comunidade da Rocinha. A vegetação é típica de Mata Atlântica, dominada pela Floresta Ombrófila Submontana com afloramentos.

Trilha contemplativa de nível leve de dificuldade.
Valor: R$ 105,00 (por pessoa)
Data: Sábado, dia 26 de agosto
Saídas: 7:00 h, 10:30 h e 14:00 h
Retornos: 10:00 h, 13:30 h e 17:00 h

 

EXCURSÃO 4: Parque Nacional da Serra dos Órgáos

Resultado de imagem para Parque Nacional da Serra dos órgãos

O Parque Nacional da Serra dos Órgãos foi criado em 30 de novembro de 1939, é o terceiro parque mais antigo do país, representando um importante marco na história das Unidades de Conservação Brasileiras. Foi criado para proteger a excepcional paisagem e a biodiversidade deste trecho da Serra do Mar na Região Serrana do Rio de Janeiro. São 20.024 hectares protegidos nos municípios de Teresópolis, Petrópolis, Magé e Guapimirim. A Pedra do Sino, com 2.275 m de altitude, é o ponto culminante do Parque. A vegetação do Parque é típica de Mata Atlântica, dominada pela Floresta Ombrófila Montana.

Trilha contemplativa de nível médio de dificuldade.
Valor: R$ 120,00 (por pessoa)
Data: Sábado, dia 26 de agosto
Saídas: 7:00 h
Retornos: 17:00 h

 

EXCURSÃO 5: Ilha Grande, Angra dos Reis

Trilhas contemplativas de nível médio de dificuldade
Valor: R$ 550,00 (por pessoa) – a excursão só será realizada com o número de 24 pessoas
Data: 26 a 28 de agosto
Saída: 6:00 h (26/08 - Sábado)
Retorno: 15:00 h (28/08 - Segunda-feira)

A Ilha Grande é cenário de exuberante biodiversidade. Destaca-se em importância como Reserva da Biosfera da Mata Atlântica, corredor biológico da Serra do Mar, núcleo histórico e patrimônio cultural da humanidade. A multiplicidade de ambientes, representada por costões, praias, rios, lagoas, restingas, manguezais e florestas, confere expressiva riqueza em flora e fauna e faz com que a Ilha Grande seja o 3º ponto turístico mais visitado no estado do Rio de Janeiro, além de ser laboratório natural de intensiva pesquisa científica. Nesta excursão será possível vivenciar o conjunto de elementos significativos do patrimônio local em bens materiais e imateriais da natureza, história e cultura, tendo translado rodoviário e marítimo e por alojamento, o Centro de Pesquisas e Desenvolvimento Sustentável da Universidade do Estado do Rio de Janeiro

 

EXCURSÃO 6: Parque Nacional do Itatiaia

Resultado de imagem para Parque Nacional do Itatiaia

Primeiro Parque Nacional do Brasil, criado em junho de 1937, localiza-se na Serra da Mantiqueira e abrange os municípios de Itatiaia e Resende no Estado do Rio de Janeiro e Bocaina de Minas e Itamonte no Estado de Minas Gerais, onde ficam aproximadamente 60% de seu território. Apresenta um relevo caracterizado por montanhas e elevações rochosas, com altitude variando de 600 a 2.791 m, no seu ponto culminante, o Pico das Agulhas Negras. Na região do Planalto do Itatiaia, também conhecida como Parte Alta, encontram-se os campos de altitude e na parte baixa a Floresta Ombrófila Montana, típica de Mata Atlântica, domina a paisagem.

Trilha contemplativa de nível médio de dificuldade.
Valor: R$ 130,00 (por pessoa)
Data: Sábado, dia 26 de agosto
Saídas: 6:00 h
Retornos: 19:00 h

 

 

Não será permitida a coleta de material botânico durante as excursões.